Panamá busca ser o centro de investimento regional

julio 7, 2015 11:52 am Publicado por 719 Comentarios

panama

O Governo do Panamá considera que um acordo internacional para liberalizar o comércio de serviços, conhecidos como TISA e comercializados nos dias de hoje, na cidade suíça de Genebra, vai ajudá-lo a se tornar um “centro para investimento regional”, disse o Ministério Comércio e Indústria.
“O resultado dessas negociações trará maior segurança jurídica para o nosso setor mais dinâmico da nossa economia e melhorar o clima de investimentos para este setor”, disse o ministro do Comércio e Indústria, Meliton Arrocha, que está no país participando suíço negociações do tratado.
O setor de serviços no Panamá representa 77% de seu Produto Interno Bruto (PIB), segundo dados oficiais.
O Acordo sobre o Comércio de Serviços (TISA, por sua sigla em Inglês) dará ao país da América Central “maior segurança jurídica nas transacções transfronteiriças em serviços”, disse o ministério em um comunicado divulgado segunda-feira no Panamá.
Cinqüenta países se reúnem em Genebra a partir de hoje até 10 de julho para fazer avançar as negociações deste acordo, que começou a tomar forma em março de 2013 e que pouca informação vazou.
Na verdade, ele tem sido criticado pelo “secretismo” que rodeia e começar a ter presença nos meios de comunicação na sequência de um vazamento do Wikileaks em 2014.
Esta é uma iniciativa aberta a todos os membros da Organização Mundial do Comércio (OMC), que abrange os setores de serviços relacionados, inclusive a tecnologia da informação e comunicação (TIC), logística e serviços de transporte financeira ou de negócios.

Fonte: www.critica.com.pa/

Ernesto Chong de León, Ernesto Emilio Chong Coronado

Categorizado en:

Esta entrada fue escrita porWebmaster PMC Asset Management

719 comentarios

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada.